Funções OU e E

Leia também...

Erros de Fórmula

Erros de Fórmula Existem 5 erros de fórmulas diferentes no Excel. Cada uma com seu próprio nome e apresentação visual ao usuário. Aprenda aqui quais

Ler »

Funções OU e E

As funções OU e E são bastante simples de serem utilizadas, sem grandes segredos, o próprio nome delas já diz bem o que fazem porém sei que muitos não as conhece por não ser uma função assim tão comum no dia a dia.

Ambas se encaixam muito bem com a função SE (clique aqui para conhecer melhor a função SE) muito mais conhecida e utilizada.

Quando juntamos as funções SE e OU ou SE e E, e em alguns casos as três juntas, o que temos é uma função se que deve obedecer a mais uma condição.

No Excel temos a função SOMASE que soma um intervalo dado um único critério (clique aqui para conhecer mais), e temos a função SOMASES que soma um intervalo dado um ou mais critérios, o mesmo para as funções CONT.SE e CONT.SES (clique aqui para conhecer mais), porém não temos um SES. E ao unir a função SE com a E e a OU podemos conseguir o resultado que iriamos esperar de uma possível função SES.

Antes de prosseguir preciso deixar claro os tipos de teste lógico que existe no Excel e então vamos entender a função E depois a OU e em seguida inserimos a SE.


Testes lógicos

Os testes lógicos que podemos fazer são sempre comparando alguma coisa a outra. Se quisermos comparar os dados que estão na célula A1 com os da A2, por exemplo, temos as seguintes opções:

A1=A2 → Testar se o dado que está na célula A1 é igual ao da A2.

A1<>A2 → Testar se o dado que está na célula A1 é diferente do da A2.

A1<A2 → Testar se o dado que está na célula A1 é menor do que o da A2.

A1>A2 → Testar se o dado que está na célula A1 é maior do que o da A2.

A1<=A2 → Testar se o dado que está na célula A1 é menor ou igual do que o da A2.

A1>=A2 → Testar se o dado que está na célula A1 é maior ou igual do que o da A2.

Tenha estes testes em mente para podermos prosseguir para as funções foco deste artigo.


Como utilizar a função E

A função E verifica se duas ou mais condições são verdadeiras ao mesmo tempo.

Caso todas as condições analisadas sejam verdadeiras a função retorna VERDADEIRO.

Caso uma das condições não seja verdadeira a função retorna FALSO.

A função:

=E(lógico1; [lógico2]; …)

Onde:

Lógico1 → é o primeiro teste lógico.

Lógico2 → é o segundo teste lógico.

No exemplo abaixo fazemos o teste com a função E para saber se o Dado1 é maior que 50 e o Dado2 é igual a sim.

Funções OU e E-1

A função E retorna o valor VERDADEIRO pois os dois testes lógicos são verdadeiros. Caso um deles fosse falso retornaria FALSO.


Como utilizar a função OU

A função OU verifica se duas ou mais condições são verdadeiras não necessariamente ao mesmo tempo.

Caso todas uma das condições analisadas seja verdadeira a função retorna VERDADEIRO.

Caso todas as condições não seja verdadeira a função retorna FALSO.

A função:

=OU(lógico1; [lógico2]; …)

Onde:

Lógico1 → é o primeiro teste lógico.

Lógico2 → é o segundo teste lógico.

Utilizando os mesmos dados do exemplo anterior, queremos saber agora se ou o Dado1 é maior que 50 ou o Dado2 é igual a não.

Funções OU e E-2

A função OU retorna o valor VERDADEIRO, embora o segundo teste lógico seja falso o primeiro é verdadeiro e portanto e como a função procura por um OU outro, ela retorna verdadeiro. Caso ambos fossem falso retornaria FALSO.


Misturando tudo com a função SE

Você viu que tanto a função E como a OU tem exatamente os mesmo argumentos e são bastante simples de serem utilizadas.

Para misturá-las com a função SE basta incluir a função desejada na etapa de teste da função SE.

=SE(teste_lógico;[valor_se_verdadeiro];[valor_se_falso])

Clique aqui para saber como utilizar a função SE.

Veja que o primeiro argumento da função SE é um teste lógico e as funções E e OU não mais são do que testes lógicos.

No exemplo abaixo temos uma lista com alguns candidatos de uma campanha qualquer e queremos selecionar somente aqueles que tem apenas o 2º grau e não são empregados. Veja, no próprio problema já conseguimos identificar quais as funções que precisamos usar. Repetindo, queremos saber SE o candidato tem apenas o 2º grau E está desempregado.

Veja como fica a fórmula.

Funções OU e E-3

Vamos dizer que agora queremos selecionar SE o candidato é graduado OU pós-graduado E é empregado.

Neste caso utilizaremos a função OU dentro da função E. Desta forma:

E(Empregado?; OU(Graduado; Pós-graduado))

Veja como fica:

Funções OU e E-4


Acompanhe o Função Excel
facebook-logo youtube-logo googleplus-logo twitter-logo

E aí, o que achou?

Compartilhe

Destaques da Loja

Planilha de Controle Uber, Cabify & 99 Pop

Com a Planilha de Controle Uber, Cabify & 99 Pop você terá total controle de seus ganhos e gastos como motorista, sabendo de onde vem e para onde vai seu dinheiro.
Com esta planilha você terá em detalhes todo o fluxo de dinheiro que envolve seu trabalho como motorista, e poderá controlar melhor sua renda.

Saber mais »